Roteiro Europa com Disneyland Paris + Amsterdam+ Bruxelas

Roteiro Europa com Disneyland Paris + Amsterdam+ Bruxelas

Final­men­te vou falar sobre o nos­so rotei­ro da via­gem da Euro­pa que vocês pedi­ram tan­to!

Nes­sa via­gem rea­li­za­mos um sonho anti­go de conhe­cer a Dis­ney­land Paris! Tam­bém deci­di­mos conhe­cer Ams­ter­dam e Bru­xe­las. A gen­te já tinha via­ja­do para Por­tu­gal, Espa­nha e Itá­lia ante­ri­or­men­te e é sem­pre mui­to difí­cil esco­lher quais cida­des visi­tar na Euro­pa. Na pró­xi­ma vez que for­mos na Dis­ney­land Paris vamos incluir Lon­dres no rotei­ro.

Nos­sa via­gem foi no mês de Novem­bro e durou 15 dias (incluin­do os dias de ida e vol­ta).  Assim que che­ga­mos no aero­por­to de Paris fomos dire­to para o com­ple­xo da Dis­ney que fica na cida­de de Mar­ne-la-Val­lée e na vol­ta pega­mos o avião para o Bra­sil em Ams­ter­dam.

Vou falar sobre as atra­ções e pon­tos turís­ti­cos de cada lugar e vou incluir os hotéis que reser­va­mos tam­bém.  Minha suges­tão é que você colo­que os locais que quer visi­tar jun­to com a sua hos­pe­da­gem em um mapa do Goo­gle Maps para ver a dis­tân­cia entre eles e assim pla­ne­jar o seu rotei­ro dia a dia. A gen­te sem­pre faz isso e super aju­da!

Vamos lá!

Disneyland Paris- 04 dias

A Dis­ney­land Paris é um char­me! Nós fica­mos bas­tan­te tem­po no com­ple­xo da Dis­ney por­que que­ría­mos apro­vei­tar ao máxi­mo! Já con­tei tudo sobre a Dis­ney­land Paris nes­se post e reco­men­do for­te­men­te que você veja todas as dicas! Não dei­xe de con­fe­rir!

MAIS DICAS NO YOUTUBE
Não deixe de conferir nossos vídeos e se inscreva no nosso canal do YOUTUBE CLICANDO AQUI.

Nos­so rotei­ro na Dis­ney­land Paris come­çou assim: no aero­por­to Char­les de Gaul­le de Paris pega­mos o Magi­cal Shut­tle (ôni­bus da Dis­ney) em dire­ção ao hotel  San­ta Fe. No pri­mei­ro dia apro­vei­ta­mos para conhe­cer o hotel e depois pas­se­a­mos no shop­ping V’al d’Europe (onde que­ria ir na loja Pri­mark). Os três dias seguin­tes dedi­ca­mos aos par­ques Dis­ney­land Paris e Walt Dis­ney Stu­di­os (1 dia para cada par­que e no últi­mo dia fomos nos 2 par­ques repe­tir as atra­ções que mais gos­ta­mos). A noi­te sem­pre pará­va­mos em Dis­ney Vil­la­ge para cur­tir as loji­nhas e res­tau­ran­tes que tem por lá. Foi per­fei­to e já que­re­mos vol­tar!

Os ingres­sos dos par­que e hotel na Dis­ney­land Paris nós fecha­mos com a agên­cia Tio Orlan­do Via­gens e você pode entrar em con­ta­to com eles por esse what­sapp.

Paris — 05 dias

Eu vol­tei da via­gem apai­xo­na­da por Paris! A cida­de luz real­men­te é um encan­to, a cada esqui­na é um sus­pi­ro! Que cida­de mais encan­ta­do­ra e cla­ro român­ti­ca!

Pega­mos o trem na esta­ção pró­xi­ma aos par­ques da Dis­ney (Mar­ne La Val­lé- Ches­sy) até a nos­sa hos­pe­da­gem em Paris.

DESCONTOS ESPECIAIS
Faça a cotação de tudo para sua viagem com empresas de nossa confiança e que sempre usamos. Queremos que a sua viagem seja mágica como a nossa!

Estu­da­mos bas­tan­te os Arron­dis­se­ments (áre­as que divi­dem Paris) para esco­lher onde ficar. Para você saber, quan­to mais bai­xo é o Arron­dis­se­ment mais cen­tral é a loca­li­za­ção (ou seja, melhor).  Fica­mos no hotel Lilas Blanc que fica­va bem pró­xi­mo da Tor­re Eif­fel no Arron­dis­se­ment 7.

Tor­re Eif­fel

Qual­quer can­to por onde a gen­te anda­va era lin­do

Gos­ta­mos do hotel por­que tinha um bom cus­to bene­fí­cio, era lim­po (sem car­pe­te), segu­ro e com boa loca­li­za­ção (per­ti­nho da esta­ção de trem/metrô). Ele é admi­nis­tra­do por uma famí­lia mui­to sim­pá­ti­ca que tinha um cachor­ro Bea­gle que sem­pre nos recep­ci­o­na­va. Eu e o Michel ama­mos cachor­ro então já ganhou pon­tos com a gen­te. A úni­ca coi­sa que não gos­tei era que o quar­to era minús­cu­lo, mas isso é um pon­to comum nos hotéis mais econô­mi­cos de Paris.

Essas foram as atra­ções que a gen­te visi­tou nes­ses 5 dias, sen­do que 1 dia foi total­men­te dedi­ca­do a conhe­cer o palá­cio de Ver­sa­lhes que não fica tão pró­xi­mo assim de Paris (da esta­ção mais per­to do nos­so hotel até Ver­sa­lhes deu uns 40 minu­to de trem + 10 minu­tos de cami­nha­da). Com­pra­mos com ante­ce­dên­cia ain­da no Bra­sil os ingres­sos no site das atra­ções para assim evi­tar ficar em fila e per­der tem­po.

  • Tor­re Eiff­fel e Champ de Mars: o prin­ci­pal sím­bo­lo de Paris (tam­bém conhe­ci­da como dama de fer­ro) é mais lin­da do que ima­gi­ná­va­mos. Nós subi­mos na tor­re um pou­co antes do por do sol e a vis­ta é incrí­vel. Após anoi­te­cer a tor­re pis­ca sem­pre nas horas chei­as (18hr, 19hrs, 20hrs…). 
  • Jar­dim du Tro­ca­de­ro: tem a melhor vis­ta da Tor­re Eif­fel, per­fei­to para tirar fotos.

Vis­ta em cima da Tor­re Eif­fel

  • Rio Sena: fize­mos um pas­seio de bar­co pelo Rio Sena (pela empre­sa bate­aux pari­si­ens) que con­ta a his­tó­ria da cida­de e pas­sa por alguns de seus prin­ci­pais monu­men­tos. 
  • Champs Ély­sées: uma das mais famo­sas ave­ni­das do mun­do, tem vári­as lojas de luxo e tam­bém uma fili­al da loja da Dis­ney
  • Arco do Triun­fo: o monu­men­to que cele­bra os heróis da guer­ra, é pos­sí­vel subir e ter uma vis­ta da Champs Ély­sées.

Arco do Triun­fo

  • Jar­dim de Lou­xem­bur­go: um dos jar­dins mais belos de Paris, óti­mo para pas­se­ar e rela­xar.
  • Cate­dral de Notre-Dame: não con­se­gui­mos entrar na cate­dral pois esta­va fecha­da após o incên­dio que acon­te­ceu em 2019.
  • Basí­li­ca de Sacré-Cœur: basí­li­ca do sagra­do cora­ção, fomos lá agra­de­cer por essa via­gem tão espe­ci­al. Na região tem vári­as loji­nhas óti­mas para com­prar sou­ve­ni­er.
  • Ópe­ra Gar­ni­er: anti­ga ópe­ra de Paris (você con­se­gue entrar mes­mo sem ter espe­tá­cu­lo no dia, a gen­te só pas­sou na fren­te mes­mo).
  • Museu do Lou­vre: mai­or museu do mun­do, é lá que você encon­tra obras famo­sas como Mona­li­sa de Leo­nar­do Da Vin­ci ou a Venus de Milo.

Lou­vre

foti­nho com Mona­li­sa

  • Gale­ri­es Lafayet­te: famo­sa loja de depar­ta­men­to fran­ce­sa (achei chiquér­ri­ma),  repa­re na cúpu­la com vitrais colo­ri­dos belís­si­ma.
  • Marais: bair­ro mui­to gos­to­so para pas­se­ar.
  • Palá­cio de Ver­sa­lhes: um dos luga­res mais per­fei­tos que já fui na vida, fui tele­trans­por­ta­da para uma outra épo­ca! Fiquei mara­vi­lha­da prin­ci­pal­men­te com os jar­dins. Tem que che­gar cedo, é sem­pre lota­do de turis­tas.

Gale­ri­es Lafayet­te

Me apai­xo­nei por Ver­sa­lhes

  • Cityphar­ma e Mon­ge: para­da obri­ga­tó­ria para com­prar pro­du­tos de bele­za de La Roche Posay, Cla­rins, Vichy, Bio­der­ma e mui­tas outras mar­cas com pre­ços que valem a pena.
  • Mono­prix: super­mer­ca­do para com­prar cho­co­la­te e gos­to­su­ras hahaha

Com­prei bas­tan­te cos­mé­ti­cos e pro­du­tos de bele­za

Não fomos nas cata­cum­bas de paris (não é o tipo de pas­seio que cur­ti­mos) e nem em Giverny para ver os jar­dins de Monet pois esta­va fecha­do na perío­do da via­gem;

Alguns luga­res que come­mos e ado­ra­mos: l’As du Fala­fel (para comer o famo­so fala­fel), L’Entrecote (o clás­si­co car­ne com bata­ta fri­ta pari­si­en­se), Ladu­rée e Pier­re Her­mé (maca­ron), Ange­li­na (cro­que mon­si­eur e o melhor cho­co­la­te quen­te), cre­pe de nutel­la (mui­tos, mas o melhor foi na uma bar­ra­ca ao lado do Car­ros­sel em fren­te a tor­re).

Tam­bém fize­mos um ensaio foto­grá­fi­co lin­do na Tor­re Eif­fel com o Gir­lan­do (só falar com ele nes­se ins­ta­gram).

Amsterdam — 03 dias

Ams­ter­dam é um char­me com seus canais e bici­cle­tas para todos os lados. Sem­pre ouvi falar que o prin­ci­pal meio de trans­por­te da cida­de era a bici­cle­ta mas não ima­gi­na­va que eram tan­tas.

tem mais bici­cle­ta do que gen­te na rua hehehe

Em Ams­ter­dam fica­mos no Owl Hotel, bem sim­ples, estru­tu­ra anti­ga mas com óti­ma loca­li­za­ção (fize­mos tudo andan­do).

Essas foram as atra­ções que visi­ta­mos:

  • Canais de Ams­ter­dam: fize­mos um pas­seio de bar­co e pas­sa­mos por regiões e pon­tes lin­dís­si­mas.
  • Albert Cuyp­markt: mer­ca­do a céu aber­to, é enor­me e ven­de de tudo um pou­co.

Albert Cuyp­markt

  • Pra­ça Dam: cheia de pré­di­os his­tó­ri­cos como o palá­cio real.
  • Museum­plein: pra­ça com os prin­ci­pais museus de Ams­ter­dam, Rijks­mu­seum (que é o mais famo­so da Holan­da), Van Gogh Museum (que tem vári­as obas do artis­ta) e o museu de arte moder­na.

  • Leid­se­plein: outra pra­ça cheia de res­tau­ran­tes, lojas, cine­mas e tea­tros.
  • Vol­den­park: par­que públi­co mais popu­lar da cida­de, legal para um pas­seio ao ar livre.
  • Hei­ne­ken Expe­ri­en­ce: Michel ama então fize­mos esse tour na anti­ga fábri­ca cer­ve­ja­ria.

  • Red Light Dis­trict: demos uma vol­ta por curi­o­si­da­de e fica­mos impres­si­o­na­dos com a quan­ti­da­de enor­me de turis­tas na região de todas as ida­des.
  • Albert Heijn: super­mer­ca­do para com­prar deli­ci­as.

com­pra­mos mui­tos Mil­ka

  • Zaan­se Schans: fomos conhe­cer a vila dos moi­nhos de ven­to. Pega­mos um ôni­bus na esta­ção cen­tral de Ams­ter­dam e demo­rou em tor­no de 40 minu­tos. Valeu super a pena!

Nós deci­di­mos não ir em museus em Ams­ter­dam e tam­bém pre­fe­ri­mos não ir na casa de Anne Frank, que é o local onde fica­va o escon­de­ri­jo de Anne e seus fami­li­a­res duran­te a inva­são nazis­ta (é um cli­ma pesa­do e não íamos pas­sar o res­to do dia bem).

Alguns luga­res onde come­mos e ado­ra­mos: Foodhal­len (mer­ca­do gas­tronô­mi­co), Stro­opwaf­fle (em uma bar­ra­ca que tem fila no Albert Cuyp­markt), Febo (fast food para comer rapi­do, os  cro­que­tes são deli­ci­o­sos e bara­tos), Trat­to­ria Toto (can­ti­na ita­li­a­na) e Tromp (loja de quei­jos).

Michel ficou lou­co nes­sa loja

Bruxelas- 01 dia

Na ver­da­de fica­mos 04 dias em Ams­ter­dam, mas em um des­ses dias dedi­ca­mos a conhe­cer a prin­ci­pal cida­de da Bél­gi­ca. Pega­mos um trem na esta­ção cen­tral de Ams­ter­dam e em tor­no de uma hora e meia che­ga­mos em Bru­xe­las.

Nos­sa visi­ta foi rápi­da então conhe­ce­mos a Grand Pla­ce (que dizem ser uma das pra­ças mais impo­nen­tes e belas da Euro­pa e real­men­te vale a fama), Les Gale­ri­es Roya­les Saint-Hubert (uma gale­ria que fiquei baban­do com vári­as lojas de cho­co­la­te) e fize­mos um tour para encon­trar as famo­sas está­tu­as do Man­ne­ken-Pis, Jean­ne­ke­Pis e Zine­ke-Pis.

Grand Pla­ce

Man­ne­ken-Pis, menor do que a gen­te ima­gi­na­va

E cla­ro que foi um pas­seio gas­tronô­mi­co, então que­ría­mos pro­var um legí­ti­mo waf­fle bel­ga (na Mai­son ) e as famo­sas bata­tas fri­tas (na fri­tland).

1 waf­fle de cada por favor

Esse foi o rotei­ro da nos­sa via­gem, espe­ro que esse post aju­de vocês. Foi uma via­gem mui­to espe­ci­al com toda cer­te­za!

Qual­quer dúvi­da podem dei­xar nos comen­tá­ri­os 🙂

Confira também

Autor

   

Autor

Renata Romano

Renata Romano

Oi, eu sou a Renata! Sou apaixonada pela Disney desde pequena e quando visitei Orlando pela primeira vez não queria voltar hahaha! Vou ter um enorme prazer em ajudar você a planejar a sua viagem! Pode contar comigo!